Como saber se tenho ejaculação precoce

Homens e ejaculação precoce são dois assuntos que definitivamente não combinam, isso porque homem nenhum quer sofrer desse problema, mas estes dois assuntos não podem ser separados, já que o problema de ejaculação precoce é bastante comum entre os homens, mais do que você imagina.

A questão da ejaculação precoce é tão problemática para o homem por afetar um dos aspectos mais importantes da vida de um homem, muito disso criado pela sociedade que vivemos, que é o desempenho sexual. O desempenho sexual é um assunto que preocupa boa parte dos homens e quando ele não é bom há até mesmo o sentimento de masculinidade ferida.

Fora isso, existem algumas implicações práticas desse problema que é justamente o relacionamento amoroso. Muitas vezes não satisfazer sua mulher na cama por conta da ejaculação precoce é um problema e acaba afetando outros aspectos do relacionamento e até mesmo o humor do casal.

Independentemente de qual seja o motivo pelo qual você esteja incomodado ou preocupado com a ejaculação precoce, esse é um problema real, mas que pode ser diagnosticado e tratado de forma bastante eficaz, solucionando e acabando com todas as preocupações que eu citei e que você possa ter.

Mas, claro, o primeiro passo é saber se você tem mesmo ejaculação precoce. Isso não é algo difícil, principalmente para um homem que conhece bem o seu corpo. Mas, se você está em dúvida, vou te ajudar neste artigo, além disso, também quero te explicar um pouco sobre as principais causas da ejaculação precoce e que também pode te dar pistas para entender se você sofre ou não do problema. Saiba agora como saber se tem ejaculação precoce!

Como saber se tenho ejaculação precoce

Causas da ejaculação precoce

Existem basicamente duas grandes causas para a ejaculação precoce. Mas, vamos começar pela primeira, que é a mais comum de todas e conhecida como a causa número um para esse problema. Essa primeira causa implica em nada mais nada menos do que problemas psicológicos.

Quando falo de problemas psicológicos, estou falando principalmente da ansiedade. É comum que o cara que tenha ejaculação precoce também sofra de um nível de ansiedade muito alto e é justamente isso que se reflete na hora do ato sexual, porque ele vai com muita vontade e acaba não conseguindo se controlar, fazendo com que a ejaculação aconteça muito rapidamente.

É por conta disso que boa parte dos tratamentos de ejaculação precoce é feita com remédios conhecidos como ansiolíticos, ou seja, remédios para controle da ansiedade e redução dos níveis desse problema. Esses tratamentos costumam ser muito eficazes, mas podem ter alguns efeitos colaterais.

A segunda causa para a ejaculação precoce é a alta sensibilidade do órgão sexual masculino. Cada um tem uma sensibilidade diferente, alguns a têm muito alta e, portanto, são muito estimulados durante o ato sexual e assim acabam ejaculando muito mais rápido do que o normal.

Nesses casos, é indicado um segundo tipo de tratamento, com pomadas e cremes para reduzir a sensibilidade do pênis. Eles podem até ser bastante eficazes, mas também podem reduzir o prazer em alguns casos ou então causar algum tipo de alergia.

Descobrindo se você tem o problema

Agora vamos falar sobre como saber se você tem ejaculação precoce propriamente dita, mas claro que você já se identificou em algum dos casos citados acima, isso já deve acender uma luz de alerta para você. Agora, você poderá ter o sinal definitivo se você também se encaixar na situação que vou descrever.

Bom, algumas pesquisas apontam que a média mundial de duração da penetração, ou seja, do momento que o homem começa até o clímax com orgasmo e ejaculação, costuma durar cerca de 7 minutos. Essa é uma média mundial, claro que se você está abaixo dela não necessariamente quer dizer que tenha ejaculação precoce, pois esse problema é ainda mais grave que isso.

Muitos caras que têm ejaculação precoce fazem tudo isso que a média faz em 7 minutos em menos de 2 minutos, ou pouco mais que isso. Portanto, se você leva apenas cerca de 2 minutos para ejacular em um ato sexual, isso quer dizer que você provavelmente sofre de ejaculação precoce.

Procure um especialista

Se você leu este texto e se identificou, a chance de você sofrer com ejaculação precoce é bem alta. Então, agora é a hora de você procurar um médico especialista em urologia para conversar com ele sobre o seu problema. Porém, através da minha experiência esse tipo de profissional não irá te ajudar muito, acredite em mim, você apenas gastará muito dinheiro com consultas e remédios.

Eu recomendo que você procure um tratamento natural que pode ser bem mais eficaz que qualquer outro tratamento. Para esse tipo de tratamento eu recomento um grande especialista na área, o nome dele é Luiz Alfredo, ele já passou por a experiência ruim de ter ejaculação precoce e se livrou desse mal completamente. Então, ele sabe o que realmente funciona para que você possa acabar com esse problema. Caso você deseja saber mais sobre Luiz Alfredo clique aqui.

Se gostou, compartilhe!

    Márcio Sousa

    Website:

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *